Archive for June, 2007

Parse de URL variables com JavaScript

Thursday, June 28th, 2007

Precisei de um parse em variáveis passadas via URL para utilizar em uma função JavaScript ao integrar conteúdo gerado pelo Captivate com uma aplicação Flex (isso vale um post). O código abaixo resolveu o problema:
(more…)

Runtime Evaluation no Flex

Wednesday, June 13th, 2007

Para determinar dinamicamente a propriedade de um objecto basta alterar da notação de pontos, para a notação com colchetes, ou seja, a.b é equivalente a a[“b”] conforme o exemplo:
(more…)

Dica rápida para o FlexBuilder

Tuesday, June 12th, 2007

Se você estiver digitando uma string longa e quiser continuar na linha seguinte para melhorar a visualização do código posicione o cursor no meio da string e digite Enter. Exemplo:

No trecho abaixo posicione o cursor antes do “a” de “atalho”:

private const TESTE:String = “Esta é uma string grandona para demonstrar um atalho com o FlexBuilder”;

O resultado é:

private const TESTE:String = “Esta é uma string grandona para demonstrar um ” +
“atalho com o FlexBuilder”;

Pena que o layout default (que vergonha) do WordPress não ajude muito :-)

Flex 3, ColdFusion 8 e AIR

Monday, June 11th, 2007

Não sei se é a Adobe que está lançando seus produtos rápido demais ou se eu é que estou lento demais e não consigo acompanhá-la.

Estão disponíveis no http://labs.adobe.com/ as versões beta do Flex 3, do ColdFusion 8 e do AIR (Adobe Integrated Runtime, nome novo do Apollo).

Erro no mapeamento do VOs do CF para o Flex?

Monday, June 11th, 2007

Há alguns dias topei com um problema e acabei perdendo tempo por um motivo muito besta, aliás, a besta fui eu, não o motivo. Em uma aplicação Flex criei um método “getInitialData” para… bem… pegar dados iniciais para a aplicação através do ColdFusion. Ao inspecionar o resultado do método colocando um breakpoint no command do Cairngorm notei que parte das variáveis estavam corretamente “tipadas”, ou seja, o mapeamento entre Flex e o CF foi feito corretamente e parte das variáveis não foi tipada, ou seja, o flex estava recebendo um array de objectos ao invés de um array do tipo desejado.

Imaginei que havia algum problema no mapeamento dos VOs, revisei o código AS e os CFCs, que estavam corretos, após matutar um pouco notei que o “tipo” desejado correspondia a um VO que ainda não havia sido usado na aplicação Flex, logo o VO não havia sido compilado.

Criei variáveis dummy no result do command e bingo! Os tipos apareceram corretamente.

Como o VO certamente seria usado na aplicação as variáveis dummy puderam ser retiradas do código, serviram apenas para demonstrar que não havia erro no mapeamento dos VOs.